Uneal promove seminário Negritude e Resistência

A Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), por intermédio do Departamento de História do Campus de Arapiraca e do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (Neab), promoverá, entre os dias 11 e 13 deste mês, a terceira edição do seminário “Negritude e Resistência.

O evento marca as comemorações dos 37 anos da Consciência Negra no Brasil e reunirá professores, alunos e representantes de organizações, envolvidos com a valorização do negro na sociedade brasileira.

Este ano, o seminário vai discutir a realidade das comunidades quilombolas em Alagoas, com ênfase à questão agrária, bem como a promoção do debate acerca do processo de formulação de ações afirmativas no âmbito das universidades alagoanas.

A abertura oficial do evento está marcada para a noite de terça-feira (11), a partir das 19 horas, com uma mesa-redonda que contará com as palestras dos professores Moisés de Melo Santana, da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE); Clara Suassuna Fernandes (Neab/Ufal) e Jairo José Campos (Uneal).

O grupo debaterá as políticas afirmativas no ensino superior. Além disso, a programação do evento terá a participação de representantes do Instituto de Terras de Alagoas (Iteral); do Núcleo Afro-Quilombola da Secretaria de Estado da Mulher, Cidadania e Direitos Humanos, do Incra/AL, bem como apresentações artísticas de grupos afros.

União - Com o tema “Cultura e gênero: a questão negra em foco”, a direção do campus da Uneal em União dos Palmares promoverá, entre os dias 17 e 21 deste mês, a Semana da Consciência Negra na terra de Zumbi dos Palmares.

A programação tem início marcado para as 19 horas, no pátio da Escola Cenecista Santa Maria Madalena, com performance literária e a participação dos alunos-bolsistas de iniciação científica pela Fapeal e do Núcleo de Pesquisa em Literatura (Nupel), além de estudantes do curso de Letras.
Segundo revela o diretor do campus, professor Jairo José Campos, o evento ainda reserva palestras, exposição fotográfica da comunidade quilombola de Muquém, bem como exibição de filmes e a participação dos alunos do programa Diversidade na Uneal.
Na quinta-feira (20), está programada uma caminhada coletiva dos participantes do evento até a Serra da Barriga.

por Agência Alagoas